MEDO DO ESCURO [PAPO DE MÃE]

Por Adriana Garcia

Sofia tem demostrado medo pelo escuro. Não vai de um cômodo ao outro sozinha se as luzes do mesmo estiverem apagadas. De início achei que era passageiro, que talvez ela tivesse tido algum sonho em dias anteriores ou assistido algo que tenha despertado esse medo todo. Não achei nenhuma explicação que me convencesse. Então comecei a pesquisar em livros para poder entender e ajudá-la. E encontrei uma matéria bem legal sobre o assunto, assim talvez eu possa ajudá-las em uma situação parecida. O livro fala que o medo, como todos os sentimentos, é útil e tem seu sentido, onde nos prepara para situações difíceis e protege dos perigos. Ele fala que todas as crianças têm medo de vez em quando. E que enquanto a sociedade espera dos meninos que eles não mostrem seus medos, as meninas podem fazê-lo. Por isso explicava que as meninas admitem ter medo mais facilmente que os meninos. Em uma pesquisa, foi observado que os pais desestimulam frequentemente as filhas pequenas, porque consideram certas atividades perigosas demais ou inadequadas para as meninas. Dizem muitas vezes para os meninos se defenderem, enquanto para as meninas é ensinado a aceitar as coisas e oprimir a agressividade. Portanto a raiva também tem sua função, ela nos ajuda a nos defender e encarar nossos desafios, dando-nos coragem. Segundo a autora, não é saudável oprimir a raiva, pois oprimindo mais cedo ou mais tarde ela se manifesta em formas de dores de barriga ou de cabeça, mas também em formas de medos! Porque os sentimentos ruins, quando não permitidos, inconscientemente retornam para nós como “monstros” ou “bicho-papão”. E para finalizar a autora dá uma ótima dica: conversar com a criança explicando o significado do medo e que entendemos que ela esteja sentindo-o, pois quando experimentamos alguma situação nova, esse sentimento pode surgir por isso ela precisa experimentar, pois só assim poderá superá-lo. Para quem se interessar e quiser saber mais, o nome do livro é: Criando Meninas, da psicóloga Gisela Preuschoff. Apliquei essas e outras dicas e Sofia está avançando aos poucos em relação ao seu medo do escuro, por isso achei interessante compartilhar com vocês.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s