Divergências [Papo de Pai]

Se hoje alguém me perguntasse sobre os maiores desafios de ter e criar um filho, eu certamente colocaria na lista a quantidade de divergências que duas pessoas podem ter. E nem é necessário ser super diferente da sua metade da laranja pra que, na hora de uma decisão, as coisas fiquem meio… cítricas 😉

Por isso considero fundamental analisar como o casal lida com suas diferenças.

Claro que, muito antes de um bebê entrar em jogo, isso já poderia servir até como guia pra medir as chances de um relacionamento ter sucesso. Mas depois que a criança nasce o bicho pega de um jeito diferente e, de certa forma, inesperado.

Às vezes é coisa boba, outras é mais sério. Umas coisas são temporárias, outras são permanentes. Varia.


E o nome? Beatriz, Anita, Melissa, Luiza ou Alice?

Um acha que é melhor colocar Pearl Jam no som do carro, outro acha que Palavra Cantada é mais apropriado.

Um vai querer dar papinha mais molinha, outro vai querer dar pedaços maiores mais cedo.

Um acha que é importante fazer um rodízio de frutas pra que elas não se repitam com frequência, outro não vê problema em dar banana com canela mais uma vez.

Janela fechada? Ar condicionado? E a temperatura da água do banho? Quente pra um, fria pro outro.

Calça? Casaco? Cobertor? Manga curta ou comprida? E o banho, é antes ou depois da janta? Cocô depois do banho pede outro banho?

Fralda de pano ou descartável? Vermelha, verde ou roxa?

Quem decide a hora de comer, de brincar, de sair, de voltar, de dar banho, de dormir?

Dormir depois das 23h, pode? Quanto mais tarde dormir, mais tarde acorda? Nem sempre, mas às vezes. Vale arriscar?

Pra sair, um fica em casa e o outro vai, ou vão os dois e levam a cria junto? 

Carrega como? Sling, carrinho, ou colo normal?

Vai torcer pro time da mãe ou do pai? Vamos levar no estádio? Qual a idade certa pra dar videogame? Pode usar o tablet? E assistir TV? Quanto tempo? Quem decide?

E a temperatura? Quando é febre? 37,8 conta? Ou só depois dos 38? Já pode medicar, ou vamos fazer compressas de água antes? Pera, é melhor dar um banho, né? Mas se tivesse medicado já tinha baixado. Ou não?

Lanche 18h e janta 21h, ou o contrário? Água ou suco? Pode dar o bico ou não?

Unimed ou particular? Essa semana, ou dá pra esperar até mês que vem? Esse médico tá bom, ou vamos procurar outro? E se o outro for pior? Consultar dois médicos da mesma especialidade, pode? Será que vale a pena procurar tratamento fora? E se for algo alternativo? Não, homeopatia nem pensar. 

E essa noite, deixar na cama dela ou trazer pra nossa? Um acordou noite passada, outro vai acordar cedo amanhã. Quem cuida agora? De quem diabos é a vez?

Essa escola é boa? Ou melhor aquela outra? Mas é longe de casa, né? É melhor ter aula de manhã ou de tarde? E os tratamentos? De dia ou de noite? Terça e quinta ou segunda e quarta? Quem leva? Quem fica? Quem busca? 

Carro zero ou usado? Sedan ou SUV? Mas será que vai caber tudo? E esse carrinho? Eu falei que era pra ter comprado um menor. Vale a pena ter dois carros?


Só dei alguns exemplos, mas a lista vai além. Algumas dessas coisas aconteceram comigo, outras com amigos, e aposto que algumas acontecem com quase todo mundo.

E a solução? Na dúvida a gente pede a opinião de amigos com filhos mais velhos na esperança de que eles tenham como usar a experiência deles pra ajudar, mas algumas dessas coisas simplesmente não tem resposta exata, então o que a gente vai ter é um conjunto de palpites pra misturar com nosso feeling e resultar em alguma coisa que, independente de ser a melhor, certamente é bem intencionada.

Por isso seja qual for o assunto, lembre que a pessoa do outro lado também quer o melhor pro filho, mesmo que ela pareça (ou esteja) totalmente errada, certamente não é por mal. Respire fundo, pense nisso e tente argumentar mais uma vez. 


E pensando positivo, pelo menos não dá pra escolher entre menino ou menina. Já pensou a confusão?



whatsapp (48) 9609-7971 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s