Por que a Decisão do STJ sobre os menores de 6 anos é tão importante? [Espaço Sosseguinho]


Muito pais têm me escrito para perguntar sobre a decisão do STJ de não permitir que menores de 6 anos ingressem no ensino fundamental. Muitos estão preocupados com um certo “atraso” no ensino de seus filhos.
Na verdade, o que o STJ fez foi aplicar a Lei já existente. As crianças com menos de 6 anos devem ficar na educação infantil. Alguns estados estão tentando antecipar isso para os 5 anos, o que tem pouca validade pedagógica. Há uma demanda grande também de pais na justiça tentando liminares para matricularem seus filhos antes do tempo regulamentar. Mas por que?
A ansiedade é um dos grandes traços da humanidade hoje. Vivemos no futuro, prevendo, antecipando. Mães me perguntam diariamente, nessa época, se devem “atrasar” ou “segurar” os filhos nas escolas. Eu sempre explico que, na verdade, o que elas estão fazendo é garantir que as crianças entrem na idade correta.
Tudo bem que seu filho queira ler antes, que queira escrever, copiar o irmão mais velho mas, deixar que ele tenha essa vontade tem muitas vantagens.
1. Coordenação motora pronta. Com 6 anos, seu filho está com a coordenação motora pronta para exercer as atividades que vai precisar no primeiro ano. Já terá plena capacidade de segurar o lápis e desenhar as letras, mesmo sem ter tido “treinamento” anterior. Nos primeiros anos de vida, a criança desenvolve a coordenação motora ampla, ou seja, aprende a mexer braços e pernas, cabeça, etc. Nos dedos e nas mãos, essa coordenação ainda é muito grosseira e a criança não consegue fazer movimentos finos. Com o tempo, as brincadeiras ficam mais sofisticadas, conforme o sistema nervoso da criança vai ficando pronto. O nosso cérebro só fica completamente formado por volta dos 5 anos. Aliás, é por isso que não temos memórias de antes desse período.
2. Maturidade emocional. Ter obrigações, tarefas e as responsabilidades que se tem na escola, exige que a criança tenha maturidade emocional. Quando fazemos isso muito cedo, normalmente, os pais são quem fica com as obrigações pois a criança ainda não consegue. Mesmo que seu filho tenha boa coordenação motora, isso não significa que  ele esteja maduro emocionalmente para ir para o ensino fundamental. A maturidade também vem do brincar que faz com que a criança signifique os valores da sociedade e aprenda a conviver com as pessoas à sua volta.  Isso é imprescindível para que ela desenvolva capacidades interpessoais que serão levadas para a vida toda, como a mediação de conflitos. Muitas crianças que são antecipadas na escola, acompanham o conteúdo mas, ficam emocionalmente atrasadas por causa desse corte em uma fase tão importante.
3. Maturidade Cognitiva. Se você está preocupado porque seu filho pode ficar atrasado, reflita sobre o seguinte: o que é a escrita? A escrita é o registro do pensamento. Então, nada mais lógico do que ensinar a criança primeiramente a organizar e a expressar em palavras os seus pensamentos para depois ensiná-la que esses pensamentos podem ser registrados. Com 6 anos a criança já consegue articular os pensamentos e conversar de forma inteligível, bem como compreender as expressões de linguagem.  Essa maturidade também evita que as crianças tornem-se analfabetos funcionais. Ou seja, sabem as letras e palavras mas, não conseguem interpretar os textos à medida que leem.
4. Vontade e Autoestima. Fazer seu filho esperar é maravilhoso! Se seu filho tem 5 anos e está louco para ler e escrever, ótimo! É essa a ideia. Significa que você está estimulando esse gosto nele e que ele tem vontade de crescer e se desenvolver. Por que você atenderia esse pedido imediatamente? Veja que uma das características menos presentes nas novas gerações é a paciência. Isso porque as pessoas não estão acostumadas a esperar por nada. Entretanto, os pacientes costumam alcançar mais objetivos do que os impacientes. Como a paciência pode ser exercitada? Fazendo com que seu filho espere por pequenas coisas e por aquelas que não são tão pequenas assim. Fale para ele: ano que vem (ou quando você tiver 6 anos) você vai aprender. Isso só fará com que, ao entrar na escola, ele esteja sedento de conhecimento. E mais: ele entrará na escola se sentindo o máximo!
Esses 3 motivos são grande parte da diferença entre as crianças cujos pais têm que ficar atrás para realizarem as tarefas e estudar a vida toda e aquelas que o fazem com gosto, porque querem.
Todos ficamos ansiosos para ver nossos filhos estudando, lendo, desvendando o mundo das letras mas, teremos a vida toda para ver isso. Por enquanto, deixemos as crianças brincarem pois é um tempo que não volta nunca mais e que é IMPORTANTÍSSIMO para evitar as dificuldades de aprendizagem, tão comuns nos dias de hoje.

Renata Bermudez
Consultora Sosseguinho
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s